Thursday, January 10, 2008

Ecos da Sociologia Publica em Moçambique [2]


Sociologia para quem, sociologia para quê?

Os leitores, atentos, da blogosfera Moçambicana, hão de ter notado que já se arrasta há algum tempo um debate, de mudos e surdos, velado sobre a intervenção social, activismo e ou engajamento na esfera publica. Pelo menos em três webblogs, cujos autores são sociólogos, in-directamente tem se debatido questões relativas a postura do sociólogo. Refiro-me ao Diário de um Sociólogo[1], do professor Carlos Serra, ao Ideias Críticas[2] do professor Elísio Macamo, e ao meu próprio Olhar Sociológico[3]. Nestes três espaços cibernéticos ecoam questões sobre o engajamento do sociólogo, ressuscitou-se o fantasma de Weber para redescobrir o sentido da neutralidade axiológica e da relação com valores na disciplina, apelou-se varias vezes a Bourdieu na sua postura de académico engajado e por ai em diante.

Enfim, se não for arriscar de mais no palpite, pela primeira vez se debate mesmo que de forma velada e indirecta, o que representa um certa perversidade, o que é? para quem é? para quê? e como? – fazer sociologia em Moçambique. Na verdade, penso que o eixo central das posições divergentes, se é que as interpreto correctamente, e se é que existem tais posições de facto, é a concepção do ofício de sociólogo. O que é um sociólogo? O que um sociólogo faz, e já agora, normativamente, devia fazer? Quando é que pelas suas acções um sociólogo deixa de sê-lo ou melhor deixa de sê-lo com a responsabilidade que se esperar deste? Quando é que o sociólogo age como homem político, intelectual e/ou activista? Como é que reconhecemos os limites dessas funções e papéis? Esses papéis e funções são mutuamente exclusivos?

Estas questões remetem-nos para as perguntas centrais que orientaram Burawoy na sua proposta de Sociologia Pública: sociologia para quê e sociologia para quem? Pretendo, com esta reflexão, desvelar o debate das suas formas mais perniciosas, nomeadamente de insinuações, aforismos, silêncio, ataques pessoas etc, formas que viciam um exercício vital próprio da disciplina que julgo querermos todos defender. A reflexividade ou auto-reflexidade é uma característica sui-generis da nossa disciplina. Viremos, então, os canos nós, para a nossa disciplina. Façamos uma sociologia dos sociólogos e da sociologia. Este é, portanto, um convite franco para o debate aberto sobre as sociologias que fazemos, queremos e podemos fazer em Moçambique. A sociologia que fazemos é para a academia ou para aqueles fora daquela? A sociologia que fazemos é instrumental – no que diz respeito aos meios ou reflexiva – no que respeita ao questionamento dos fins? Reparem, no entanto, que a caracterização que fiz da proposta de Burawoy de sociologia pública não é completa. Quer dizer, procurei recuperar aquilo que considero ser o aspecto central da sua proposta, nomeadamente, a sugestão de alargar o público ao qual a sociologia se deve dirigir e a divisão social de trabalho dentro da disciplina. A tipologia sugerida por Burawoy (2004) é apropriada para resgatar e situar teoricamente o nosso debate sobre o engajamento? Pode até ser. No entanto,tenho para mim, que só há duas maneiras de fazer sociologia: fazê-la ou não fazê-la. No meu entender a sociologia não se define pelos fins (Destinatário, que público atingir, por exemplo), mas pelo método científico como meio! [ Continua]

3 comments:

J Francisco Saraiva de Sousa said...

Sem pensamento não pode haver mudança qualitativa! Tem razão em lutar pelo pensamento crítico e independente! Força Amigo! Lute contra as trevas! :)

Patricio Langa said...

CARO J.F.S.S
Permita-me que abrevie seu nome assim.Obrigado pelos seus comentários encorajadores.
Gostei do termo “mudança qualitativa”. Essa cabe a todos nós caro JFSS. Por isso pensemos, pensemos criticamente por um mudo melhor.Que esse, todos desejamos!
Um forte abraço.

freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,