Monday, June 18, 2007

A Mcelização dum património da Humanidade!

JPT no seu blog fez uma reportagem fotográfica de algumas imagens que espelham a pujante presença super-ego-mercadológica da primeira telefonia móvel do País. Se em Nietzsche “A VONTADE DE PODER” não é apenas uma essência, mas uma necessidade”, para Mcel A VONTADE DO LUCRO e de hegemonia mercadológica não é apenas uma essência, mas uma necessidade.
Puritismo?!
Acho que é Toqcueville quem se questionava sobre se era possível tratar o “bom” sem o qualificar de “bom”?