Thursday, June 7, 2007

Sentido de Humor!



Podemos nos queixar de muita coisa, e temos o feito, menos do nosso apurado sentido de humor. Há dias referi-me ao retorno do grande actor e cómico Mário Mabjaia aos palcos. Na verdade acho que em cada de nós, Moçambicanos, reside um pequeno grande humorista. Das situações mais dramáticas que se vivem no nosso país surgem as piadas mais cómicas e interessantes. Um dos aspectos interessantes é a função, de efeito balsâmico e de amortecedor das nossas angustias, que essas pias das desempenham. Peguemos só em dois exemplos. Depois do incidente do paiol que ceifou mais de 100 vidas humanas e com saldo de mais de 500 feridos eis que começaram a circular nos celulares sms com o seguinte dizer:

- Vende-se terreno na zona de Malhazine a 5.000mzn aceita-se prestação. Ora, a última coisa que alguém queria após a explosão do paiol em Malhazine era um terreno nas ribeirinhas daquele armazém de armamento pesado.

- Veio depois o incêndio que dizimou o MINAG, Ministério da Agricultura. A piada não se fez esperar. Pegou-se na letra de uma música que está a “bater”, i.é, – fazer sucesso nas pistas de dança e nas rádios – e se modificou humoristicamente. Na letra da música original o músico Dj Ardiles queixa-se da evasão a sua privacidade por uma espécie de paparazes que vivem o fotografando onde quer que se encontre. "Toda hora foto", canta ele. "Na barraca foto. Foto, Foto, Foto". É só Foto. Essa perseguição deve-se a sua fama e dinheiro (eu sou um homem de cash).

Agora leiam esta versão de foto:
"Foto, foto" Dj Guebas ft Dj Ardiles:

DJ GUEBAS!!U dja ku hissa tiko ke?
Na barraca ... fogo, Ministério fogo,
no paiol fogo, é só fogo, é só fogo..

Deixa minha vida, deixa minha vida,
os bombeiros têm hora...

As pessoas andam a falar...
porque eu, porque eu...
I tiko dzanga, a Hi wsona...

Eu sou um gajo de cash..

4 comments:

chapa100 said...

patricio! a intelectualidade periferica de mocambicanos. ela vive entre a articulacao da arte e o espelho politico. peca aos meninos da rua para um free style e vais ouvir/escutar a critica social. o imaginario de mocambicano e bastante critico, com humor ou sem humor. o eliso macamo escreveu sobre a frustacao e critica social, acho uma maneira simplista de categorizar e interpretar estes fenomenos em mocambique.

Patricio Langa said...

J.M
Querias dizer: maneira simples ou simplista? Acho que há diferença entre as duas expressões.

Anonymous said...

lol deverias ter mais cautela com as espressoes utilizadas no seu discurso
my best regards

freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,